Our Recent Posts

Tags

Nenhum tag.

Eu... um Mapa.

Meu rosto? Pode ser também, mas eu poderia chamar de Mapa Astral. O Cosmos não é um céu estrelado que está lá em cima nos observando e impondo a maneira que devemos agir. Tanto nós quanto o céu estrelado vivemos e nos movemos dentro do Cosmos, por isso digo que Astrologia é relação. Relação entre reinos que compartilham o mesmo habitat. O seu mapa astral não está fora de ti, ele é você. O grande astrólogo Alan Leo dizia: Os astros inclinam, mas não determinam. Nesses 18 anos que trabalho como astróloga percebo que nossa grande escolha está em usarmos nosso mapa natal para justificar padrões (sou assim porque sou aquariana, agora não vai dar porque Marte entrou em Capricórnio), ou sermos nosso mapa natal e distribuirmos nossos potenciais ao mundo (porque meu signo me impulsiona a isso, porque os ciclos atuais me convidam a um novo processo). É sobre escolher e descobrir a astrologia em si que quero falar. Assim que, pretendo utilizar esse espaço virtual para unir minhas duas grandes paixões História e Astrologia, vamos estudar os movimentos celestes impressos em rostos, fatos marcantes, e claro, movimentos naturais de nosso planeta e sua relação com o sistema ao qual pertence. Aqui também pretendo compartilhar minha coluna na revista Bons Fluidos, que foi a inspiração para o nome História do Céu. Bem-vindos!

©2020 by Fernanda Zannin.